Verificando as constraints de uma tabela no Oracle

A consulta abaixo exemplifica, de forma simples, como recuperar as constraints de uma tabela em um banco de dados Oracle.

Para executar em sua base de dados, basta trocar ‘nome_da_tabela’ pelo nome da tabela que você quer pesquisar.

Esta consulta retornará 5 colunas:

  • owner
  • constraint_name
  • table_name
  • column_name
  • position

 

Se não quiser utilizar a função upper para normalizar o nome da tabela, você também pode deixar sua sessão case insensitive, como demonstramos neste post.

 

Espero ter ajudado.

The following two tabs change content below.
Breno RdV
Ex-Psicólogo, com quase uma década de experiência em Recursos Humanos e Gestão de Pessoas, atual desenvolvedor e Analista de Sistemas, trabalhando com PowerBuilder, C#, PowerShell e expandindo horizontes para Python, Xamarin, PHP, Angular e (por que não?) Unity.

Comments

comments

Posted in Banco de Dados, Dev and tagged , , , , , , , , .